13 de dezembro de 2012 - 09:34

Tricolor paulista conquista a Sul-Americana

(São Paulo campeão da Sulamericana / Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net)

Nem mesmo a atitude vexatória do Tigre de não voltar para o segundo tempo amenizou o título tricolor. A festa estava armada. Mais de 67 mil apaixonados foram ao Morumbi. A angústia de alguns conflitava com o otimismo das arquibancadas. Afinal, eram quatro anos sem gritar “É campeão”. Mas essa espera acabou. Foi uma linda festa, digna do tamanho e da história do São Paulo Futebol Clube.

Uma noite histórica. Nesta quarta-feira (12), o Tricolor venceu o Tigre-ARG por 2 a 0 e ficou com o inédito título da Copa Sul-Americana. Uma conquista para coroar uma geração talentosa comandada por Lucas, Denilson, Wellington, todos revelados nas categorias de base do clube.

Meninos que foram cuidadosamente apadrinhados pelo ídolo maior Rogério Ceni, o M1TO, o espelho e o multicampeão, que não vê limites com a camisa do São Paulo. Não bastassem todos esses ingredientes, a torcida tricolor viu a consolidação de um ídolo. Isso com apenas 20 anos.

Lucas é Lucas. Não tem como compará-lo. Não há mais palavra para elogiá-lo. De humilde a craque. Defina você. O camisa 7 fez uma despedida de gala do clube. Marcou um gol e deu o passe para Osvaldo fazer o outro, ainda no primeiro tempo. Se era esse o seu sonho, nós que vivemos a realidade de contar com você todos este ano, Lucas!

Como não citar também Paulo Miranda, Rafael, Toloi, Rhodolfo, Cortez, Toloi, Jadson, Osvaldo, Luis Fabiano… todos que fizeram parte desta campanha invicta do São Paulo. Numa noite inesquecível, a torcida são-paulina certamente gostaria que ela não tivesse fim. E certamente não terá.

CAMPEÃO LEGÍTIMO!

O São Paulo começou o jogo empurrado pela sua torcida, que lotou o Morumbi. No entanto, nos primeiros minutos, foi difícil furar o bloqueio argentino. Foi então que Lucas entrou em ação. Aos 23 minutos, Jadson lançou Willian José, que deu belo drible no zagueiro e tocou de volta para o camisa 10.

Nestas coisas reservadas pelo destino, a bola sobrou para Lucas, que ainda tirou um rival da jogada e tocou de esquerda para abrir o placar. Festa do garoto, que caminhava a passos largos para se tornar ídolo. Explosão nas arquibancadas, que nesta altura já olhava o título cada vez mais próximo.

Se o cenário estava perfeito, ficou ainda melhor aos 27. Lucas deu ótimo passe para Osvaldo, que mostrou toda calma do mundo para dar um toque por cobertura na saída do goleiro. 2 a 0 para o Tricolor. Enquanto isso, o Tigre desistiu de jogar bola e resolveu bater. E como bateu. O árbitro distribuiu cartões amarelos.

CONFUSÃO

No intervalo, os argentinos quiseram briga. Foram para cima dos são-paulinos. E não quiseram voltar para campo. O trio de arbitragem esperou o quanto pode. Mas o Tigre não voltou para o gramado. Sendo assim, o São Paulo foi decretado o campeão da Sul-Americana de 2012.

 

 

SPFC

Outras Notícias

Últimas Notícias

© Copyright 2012 Portal Pedra Bonita - Email: contato@portalpedrabonita.com.br