8 de junho de 2012 - 05:38

Agência atômica da ONU anuncia fracasso de negociações com Irã

A Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA), vinculada à ONU (Organização das Nações Unidas), anunciou nesta sexta-feira o fracasso de suas negociações com o Irã para esclarecer algumas dúvidas pendentes sobre a natureza do programa nuclear da República Islâmica.

Após oito horas de negociações, o inspetor chefe da AIEA, Herman Nackearts, leu um comunicado no qual a AIEA expressa sua “decepção” com a falta de um acordo, embora tenha deixado entrever que haverá uma nova reunião, cuja data “não foi fixada ainda”.

A AIEA pretende há semanas fechar um acordo com o Irã para conseguir, entre outros assuntos, ter acesso à instalação militar de Parchin, onde suspeita que haja atividades e experimentos nucleares com fins militares, o que Teerã rejeita.

“A equipe da AIEA chegou a esta reunião com o desejo de finalizar um acordo. Apresentamos uma minuta revisada que tratava as preocupações mencionadas antes pelo Irã”, disse o representante do organismo.

O embaixador iraniano na AIEA, Ali Asghar Soltanieh, expressou no mesmo encontro com a imprensa sua esperança de que um acordo possa ser fechado, embora tenha destacado que se trata de um processo “muito complicado que vai além do Tratado de Não Proliferação Nuclear (TNP)”.

PRESSÃO

As potências mundiais irão insistir, durante a próxima rodada de negociações neste mês em Moscou, para que o Irã limite sua produção de urânio altamente enriquecido, disse uma negociadora europeia a um negociador de Teerã nesta quinta-feira.

Em carta ao Irã, Helga Schmid disse que uma oferta das seis potências mundiais para resolver a crise nuclear com o país, apresentada em maio em Bagdá, continua válida –mas que mais negociações sobre detalhes ainda são necessárias.

Os seis países –EUA, China, Rússia, Alemanha, França e Inglaterra– pediram a Teerã que pare de enriquecer urânio a 20% de pureza. Governos ocidentais temem que o país, ao ultrapassar esse limite, se aproxime perigosamente do grau de pureza necessário para o uso em armas atômicas.

O Irã insiste no caráter pacífico das suas atividades.

 

 

Folha.com

Outras Notícias

Últimas Notícias

© Copyright 2012 Portal Pedra Bonita - Email: contato@portalpedrabonita.com.br