7 de junho de 2012 - 08:59

Homem de 68 anos confessa autoria do atentado de Brindisi

Um homem de 68 anos confessou ser o autor do atentado cometido no dia 19 de maio na cidade italiana de Brindisi, incidente que matou uma estudante de 16 anos, anunciou na madrugada desta quinta-feira o promotor antimáfia de Lecce, Cataldo Motta.

Giovanni Vantaggiato é proprietário de um posto de gasolina na cidade de Copertino (província de Lecce). Em seu depoimento à polícia, que o interrogou durante várias horas, ele teria dito que seu alvo não era a escola da jovem vítima Melissa Bassi, mas o Palácio da Justiça, situado a cerca de 200 metros da escola.

No depoimento, ele afirmou que queria se vingar por não ter recuperado o dinheiro perdido num processo por fraude. Após sua confissão, foi detido e processado na Justiça.

Seu carro, um Fiat Punto, aparece em várias imagens das câmeras de segurança nas imediações do Instituto Morvillo Falcone no sábado 19 de maio, quando ele teria detonado três bujões de gás, explosões que atingiram a adolescente.

Os investigadores indicam que não só a presença do carro orientou as investigações policiais, mas também a grande semelhança física do detido com a pessoa filmada pela câmera de segurança de um quiosque próximo à escola e as contradições em que o suspeito teria incorrido durante os interrogatórios, assim como o conteúdo de uma conversa interceptada com sua esposa.

O promotor de Lecce explicou à imprensa que a confissão não satisfaz de todo, já que apresenta alguns pontos obscuros, pelo que as investigações continuarão.

Motta assinalou que, embora o detido tenha dito que agiu por vingança pessoal, “o motivo do crime não convence”.

“Mentalmente está bem. Admitiu sua participação, mas, no que se refere ao resto da confissão, não convence”, explicou Motta, antes de dizer que ainda estão sendo analisados a casa e o armazém de Vantaggiato.

Segundo o promotor, o próprio detido fabricou a bomba, composta por três bujões de gás, que detonou com um comando remoto à passagem de um grupo de jovens que se encaminhavam ao instituto de formação profissional onde estudavam.

O atentado matou Melissa Bassi e deixou outros estudantes feridos.

 

 

Folha.com

Outras Notícias

Últimas Notícias

© Copyright 2012 Portal Pedra Bonita - Email: contato@portalpedrabonita.com.br