22 de maio de 2012 - 10:14

Iêmen cancela desfile após atentado em que 96 morreram

O governo iemenita cancelou o desfile militar previsto para esta terça-feira por ocasião do aniversário da unificação do Iêmen, um dia depois da morte de pelo menos 96 soldados em um atentado suicida cometido pela Al-Qaeda em Sanaa.

Uma cerimônia “simbólica” estava programada para a Escola de Aviação e Defesa Aérea, na presença do presidente Abd Rabbo Mansur Hadi.

O atentado foi cometido na segunda-feira por um soldado que detonou uma carga explosiva entre os colegas que preparavam o desfile de 22 de maio na praça Sabiin de Sanaa.

Noventa e seis soldados morreram no ataque.

O atentado foi o primeiro grande ataque em Sanaa desde a posse, em fevereiro, do presidente Hadi, que prometeu continuar com a “guerra contra o terrorismo independente dos sacrifícios”.

A explosão aconteceu diante da tribuna na qual estavam o ministro da Defesa, Mohamed Naser Ahmed, e o comandante do Estado-Maior, general Ahmed Ali al-Achual, que escaparam ilesos, segundo fontes militares.

A AQPA (Al-Qaeda na Península Arábica) reivindicou o atentado e confirmou que os alvos eram o ministro da Defesa e o comandante do Estado-Maior.

 

 

Folha.com

Outras Notícias

Últimas Notícias

© Copyright 2012 Portal Pedra Bonita - Email: contato@portalpedrabonita.com.br