10 de junho de 2016 - 08:19

Capacidade de estocagem de grãos sobe 3,3% no País

A pesquisa de estoque do IBGE, divulgada nesta quinta-feira (9), mostra que a quantidade de armazéns ativos no País subiu 0,8% entre o primeiro e o segundo semestre de 2015. Isso representou um total de 7.918 estabelecimentos em funcionamento no período. Dessa forma, foi possível expandir a capacidade de estocagem de grãos em 3,3%. Em valores absolutos, cerca de 166 milhões de toneladas de cereais foram estocados nesses pavilhões.

De acordo com a pesquisa, a maior parte desses armazéns está instalada em propriedades privadas (79,9%). Outros 17,4% pertencem a cooperativas de produtores, enquanto 2,1% estão em terras do governo. Também foi possível constatar que mais da metade dos pavilhões atende à produção agropecuária (28,6%) ou prestam serviços de armazenagem (28,3%).

Os silos, ambientes cilíndricos usados na estocagem de cereais, foram o tipo de armazém mais utilizado pelos agricultores no segundo semestre de 2015. Ao todo, foram guardados nesses espaços 72,4 milhões de toneladas de alimentos, 3,3% a mais do que na primeira metade de 2015, e atingiram o maior volume de capacidade do País. Em seguida, outro tipo de depósito, o qual, ao contrário do anterior, é horizontal, ficou em segundo lugar em capacidade: foram os armazéns graneleiros que atingiram 63,2 milhões de toneladas de capacidade, o que representa uma expansão de 5,9%.

Produtos estocados

Entre os cereais, a soja foi o que teve a maior elevação no total armazenado nesses pavilhões. Entre o primeiro e o segundo semestre de 2015, foi registrado um crescimento de 2,6%, e fechou o ano com o total recorde de 97 milhões toneladas nos depósitos. Segundo o IBGE, o montante já era esperado, tendo em vista a colheita recente.

Contudo, o tipo de grão mais armazenado nesses pavilhões foi o milho. No segundo semestre do ano passado, 10,1 milhões de toneladas foram armazenadas nesses depósitos.

 

Portal Brasil, com informações do IBGE

Outras Notícias

Últimas Notícias

© Copyright 2012 Portal Pedra Bonita - Email: contato@portalpedrabonita.com.br