4 de maio de 2016 - 08:09

Brasil terá saldo comercial de até US$ 50 bi em 2016

A balança comercial brasileira deverá encerrar 2016 com saldo comercial entre US$ 45 bilhões e US$ 50 bilhões, informou, nesta segunda-feira (2), o ministro de Desenvolvimento, Indústria e Comércio (MDIC), Armando Monteiro Neto.

“Nossa projeção tem sido conservadora. Ficamos algum tempo mantendo em US$ 35 bilhões, mas hoje podemos afirmar com segurança que o saldo poderá ficar entre US$ 45 bilhões e US$ 50 bilhões, não há dúvida disso”, disse o ministro.

Caso o saldo fique acima de US$ 46 bilhões, será o maior superávit já registrado pela balança comercial brasileira. O saldo comercial mais elevado foi apurado em 2006, no montante de US$ 46 bilhões.

No mês passado, a balança comercial voltou a registrar recorde mensal, mostrando saldo positivo de US$ 4,861 bilhões nas operações de exportação e importação.

Com o desempenho de abril, o Brasil encerrou o primeiro quadrimestre com superávit recorde de US$ 13,249 bilhões. Para se ter uma ideia da melhora, em igual período do ano passado a balança comercial havia registrado saldo negativo de US$ 5,059 bilhões. O superávit robusto tem sido obtido a partir de um forte recuo das importações, que no primeiro quadrimestre foi de 32%. Já as exportações tiveram redução de 3,4%, em relação ao ano passado.

O ministro também chamou a atenção para o aumento no número de empresas exportadoras.

Segundo ele, quase 2 mil novos negócios passaram a exportar nos últimos 12 meses, com o número total dessas empresas subindo para 21 mil ao fim de abril.

Acordos comerciais

Em tom de balanço sobre a sua gestão à frente do MDIC, Monteiro Neto disse a jornalistas que o Brasil firmou acordos comerciais importantes nos últimos meses que estão tendo reflexo no aumento das exportações brasileiras.

Entre esses acordos, ele citou a assinatura de tratados comerciais com México, Colômbia, Chile e Peru.

Ele comentou que há acordos importantes em andamento citando a retomada das negociações para o acordo de livre comércio entre Mercosul e União Europeia. A previsão é que esses dois blocos avancem nessas tratativas, com previsão da troca de oferta entre os dois países prevista para 11 de maio.

 

Portal Brasil, com informações do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior

Outras Notícias

Últimas Notícias

© Copyright 2012 Portal Pedra Bonita - Email: contato@portalpedrabonita.com.br