30 de abril de 2016 - 07:45

Restituição do IR começa a ser paga em junho

Encerrada a entrega das declarações do Imposto de Renda e o processamento dos dados, a Receita Federal iniciará em junho o pagamento dos sete lotes de restituições.

Considerando esse dinheiro extra no orçamento do trabalhador e das famílias, a Receita Federal lembra que quanto mais cedo a declaração do IR for entregue, mais cedo a restituição será depositada na conta do contribuinte.

“Primeiro entram as prioridades de restituição que são os idosos, os portadores de deficiência e os portadores de moléstias graves”, informa o supervisor nacional do Imposto de Renda, Joaquim Adir.

Os demais contribuintes recebem ao longo dos outros lotes com preferência conforme a data de apresentação da declaração, regularidade e processamento dos dados.

Crédito e correção

Concluída a entrega da declaração do IR e processado o valor da restituição, nos casos em que houver, vários contribuintes usam essa previsão de dinheiro extra para antecipar o recebimento dos recursos.

O supervisor nacional do IR diz que vários contribuintes apressam a entrega da declaração à Receita Federal para saber o valor da restituição e negociar empréstimos bancários.

Isso porque vários bancos oferecem crédito vinculado às restituições.

Joaquim Adir lembra ainda que os valores do Imposto de Renda restituído aos contribuintes são corrigidos pela taxa básica de juros, a taxa Selic, atualmente fixada em 14,25% ao ano.

Os valores são depositados na conta bancária indicada pelo contribuinte na declaração do IR.

 

Receita Federal do Brasil

Outras Notícias

Últimas Notícias

© Copyright 2012 Portal Pedra Bonita - Email: contato@portalpedrabonita.com.br