24 de março de 2015 - 08:46

Rio 2016 apresenta calendário diário de competições dos Jogos Olímpicos

calendário diário de competições dos Jogos Olímpicos Rio 2016 já está disponível para consulta. Publicado no marco de 500 dias para o evento, o documento mostra as datas em que serão disputados cada esporte, permitindo que os espectadores comecem a montar a sua programação. Ao longo de 17 dias, mais de 10.500 atletas de 42 esportes Olímpicos vão participar de 306 disputas por medalhas.

A cerimônia de abertura, no dia 5 de agosto de 2016, no Maracanã, marca o início oficial do evento, mas é o torneio de futebol que, dois dias antes, abre as competições. As partidas serão disputadas em estádios de outras cinco cidades, além do Rio de Janeiro, e a tabela será divulgada em breve. No dia 6 de agosto, no entanto, as disputas começam a todo vapor, com provas de 20 esportes.

Um dos esportes mais populares dos Jogos, a natação segue a tradição de outras edições e acontece na primeira semana do evento (6 a 13 de agosto). Já as provas do atletismo só terão início na segunda semana (de 12 a 21 de agosto).

Esportes de grande apelo junto aos torcedores brasileiros, o basquete, o vôlei e o handebol, além do boxe, terão competições durante todos os Jogos Olímpicos, com disputas entre os dias 6 e 21 de agosto. No dia 6 de agosto, 20 esportes dão início às competições.

A versão completa do calendário – com as provas e os respectivos horários – será divulgada no dia 31 de março, quando tem início a venda de ingressos. No total, serão 7,5 milhões de entradas – mais da metade por até R$ 70.

Foto: Luiz Roberto Magalhães/ ME

Patrocínio e serviços
Em encontro com jornalistas na tarde desta terça, o diretor de Comunicação do Comitê Rio 2016, Mário Andrada, destacou que a meta estabelecida com arrecadação de patrocínio para o ano de 2014, que era de R$ 2,5 bilhões, foi superada em 7%. A meta total é de R$ 3 bilhões.

Além disso, Mário explicou que a organização dos Jogos entra, agora, em uma nova fase: encerra-se a etapa de planejamento e tem início a fase de execução. Segundo o diretor de comunicação, terá início a definição das empresas que vão atuar na prestação de serviços na Vila Olímpica e Paraolímpica e também nos centros de imprensa. A expectativa, segundo ele, é de que sejam gerados milhares de empregos temporários, da seguinte forma:

» Setor de hotelaria: 5 mil empregos
» Limpeza: 7 mil
» Transporte: 8 mil
» Licenciamento: 4 mil
» Segurança: 19 mil
» Ingressos e hospitalidade: 8 mil

Nesta quarta-feira (25.03), às 11h, será inaugurado, na Barra da Tijuca, o primeiro centro de formação dos voluntários que trabalharão nos Jogos Rio 2016. Segundo Mário, uma das preocupações do Comitê Organizador é, além da capacitação dos voluntários, ajudá-los a conseguir o primeiro emprego.

Presente no encontro, o presidente do Comitê Olímpico do Brasil (COB) e do Comitê Organizador dos Jogos, Carlos Arthu Nuzman, destacou que as Olimpíadas deixarão um imenso legado para a capital fluminense. “O Rio será a cidade de maior transformação na história dos Jogos. Maior até do que ocorreu em Barcelona e Tóquio”, comparou.

Nuzman foi muito questionado sobre a despoluição da Baía de Guanabara. Ele ressaltou que confia no trabalho do Governo do Estado do Rio de Janeiro e assegurou que os atletas da vela terão plenas condições de competir em 2016. “Quando se fala da Baía, se fala da imensidão da Baía. As áreas de competição têm características diferentes de outras áreas da Baía. Temos total confiança de que as águas estarão em condições para as competições de vela”.


Ascom do Ministério do Esporte

Outras Notícias

Últimas Notícias

© Copyright 2012 Portal Pedra Bonita - Email: contato@portalpedrabonita.com.br