26 de junho de 2014 - 09:58

Botafogo-PB vence o Campinense por 3 a 0 e fica perto do bicampeonato

botafogo-pb, campinense, campeonato paraibano, final (Foto: Kleide Teixeira / Jornal da Paraíba)
Botafogo vence bem o Campinense e fica perto do título (Foto: Kleide Teixeira / Jornal da Paraíba)

Atual campeão paraibano, o Botafogo deu um passo gigantesco para conquistar o bicampeonato estadual. Na noite desta quarta-feira, no Estádio Almeidão, em João Pessoa, o Belo venceu o Campinense por 3 a 0 e agora pode perder até por dois gols de diferença no jogo da volta, domingo, no Estádio Amigão (em Campina Grande), que levantará a sua 27ª taça da história.

O time botafoguense praticamente construiu a vitória no primeiro tempo, quando marcou com Doda e depois com Pio, de pênalti. Na etapa final, Ferreira ampliou a vantagem, deixando o time muito próximo do segundo título consecutivo.

A Raposa teve um jogador expulso ainda no primeiro tempo. E teve um gol anulado, depois que Wanderley foi pego em impedimento na hora do cabeceio. No jogo de volta, em Campina Grande, caberá à Raposa devolver o placar em casa se quiser conquistar o título.

Belo começa arrasador e marca dois gols

O clássico começou bastante movimentado. Mesmo jogando na casa do adversário, o Campinense até que começou melhor. Logo no primeiro minuto, Marielson foi ao ataque e cruzou para Wanderley cabecear com perigo. O goleiro Genivaldo fez bela defesa. A partir daí, o Botafogo passou a mandar nas ações dentro de campo e envolver a Raposa.

Em boa jogada,  Lenílson passou a bola para Rafael Aidar. O atacante deu um corte no marcador e cruzou na área. Frontini ajeitou e tentou de  bicicleta, mas o chute saiu errado e foi para fora. Aos 15 minutos, o Bota quase marcou. Pio bateu falta perto da área e a bola passou raspando o ângulo direito de Ivan. Três minutos depois, o time pessoense abriu o placar. Após rebote da zaga rubro-negra, Doda pegou de primeira sem chances para o camisa 1 da Raposa. Fez um golaço.

O Campinense esboçou uma reação em seguida. Badé cruzou da esquerda e Wanderley cabeceou para fora.

Mas o Bota respondeu com gol. Lenílson tocou para Ferreira. O lateral levantou na área e Edson Veneno botou a mão na bola. Pênalti. Pio bateu forte e ampliou em favor do time alvinegro.

No finalzinho do primeiro tempo, a situação da Raposa se complicou ainda mais. Edson Veneno fez falta violenta em Lenílson, agredindo o jogador com um chute nas costas do rival, e acabou sendo expulso.

botafogo-pb, campinense, campeonato paraibano, final (Foto: Kleide Teixeira / Jornal da Paraíba)Torcedor do Belo exibe cartaz comparando Doda com Robben (Foto: Kleide Teixeira / Jornal da Paraíba)

 

Bota marca mais um e encaminha o título

Com um homem a mais em campo, o Botafogo manteve a mesma postura ofensiva do primeiro tempo. E sempre tentando bons chutes de fora da área. No primeiro lance, Pio avançou e chutou de longe. A bola foi no ângulo, mas Ivan espalmou para escanteio.

A Raposa procurava atacar, com Wanderley explorando as jogadas pela esquerda. Mas o Belo se fechava bem. Numa das investidas raposeiras, Lenílson pegou o rebote e tocou para Ferreira. O lateral avançou e tocou na saída de Ivan, aos 22 minutos, fechando o placar.

O Belo ainda tentou transformar o placar em goleada. E teve chances para isso. Por duas vezes, Pio chutou e Ivan e fez belas defesas.

botafogo-pb, campinense, campeonato paraibano, final (Foto: Kleide Teixeira / Jornal da Paraíba)
Botafogo foi melhor em campo e venceu por 3 a 0 (Foto: Kleide Teixeira / Jornal da Paraíba)

 

 

GloboEsporte.com

Outras Notícias

Últimas Notícias

© Copyright 2012 Portal Pedra Bonita - Email: contato@portalpedrabonita.com.br