5 de junho de 2014 - 07:56

Prefeitura de Itaporanga e Secretaria de Saúde promovem capacitação para o uso do sistema E-SUS

(Capacitação para o SUS eletrônico / Foto: Assessoria)

(Capacitação para o SUS eletrônico / Foto: Assessoria)

O e-SUS é uma das estratégias do Ministério da Saúde para desenvolver, reestruturar e garantir a integração desses sistemas, de modo a permitir um registro da situação de saúde individualizado por meio do Cartão Nacional de Saúde.
O nome, E-SUS, faz referência a um SUS eletrônico, cujo objetivo é sobretudo facilitar e contribuir com a organização do trabalho dos profissionais de saúde, elemento decisivo para a qualidade da atenção à saúde prestada à população.

Para a implantação deste sistema, o Município de Itaporanga através da Secretaria da Saúde realizou uma capacitação direcionada aos seus profissionais em saúde, que ocorreu na manhã de quarta-feira, (04), e foi ministrada pela apoiadora institucional do Ministério da Saúde Priscila Mara, representante do Sistema de Informações da Secretaria Estadual de Saúde Sérgio Lisboa, que foram recepcionados pela Secretária de Saúde Aparecida Alves. E nesse primeiro momento está sendo feita uma triagem dos municípios, e capacitação dos nossos profissionais visto que está sendo implantando um serviço totalmente novode informações que é o E-SUS. Ele simplificará a forma de atendimento aos usuários, evitando o preenchimento de muitas informações em papel, sendo essa uma importante medida adotada pelo Ministério da Saúde e que os municípios que estão aderindo a este novo sistema de informações terão que se adequar e cumprir.

(Sistema facilita e contribui com a organização do trabalho dos profissionais de saúde / Foto: Assessoria)

(Sistema facilita e contribui com a organização do trabalho dos profissionais de saúde / Foto: Assessoria)

De acordo com o médico Danilo Alexandre Costa, que atua em uma das Unidades Básicas de Saúde do Município“O E-SUS vem para facilitar e destrinchar as normas do Ministério da Saúde, e essa capacitação servirá muito para o controle de prontuário dos pacientes e ajudará também quanto à epidemiologia, na parte de estatística para que possamos ver qual a prevalência de doenças endêmicas, como hipertensão, diabetes, e como iremos encaixar cada paciente nesse ciclo de atendimento, uma vez que o Saúde da Família não é só o atendimento, é o acompanhamento do paciente e o E-SUS vem para facilitar, pois no final das contas ajudará muito para que possamos ter todo um controle de toda a Unidade Básica de Saúde da Família e da saúde do Município.”

Já a técnica em informação de dados da Secretaria Municipal de Saúde, Alicemires Ramalho, destaca que “Esse curso é de muita importância, porque ele vai ajudar a agilizar os trabalhos, otimizar o tempo, pois o sistema que será usado puxa as informações, só vai ser preciso colocar as informações uma única vez no sistema e isso é de fundamental importância porque vai melhorar o desempenho do nosso trabalho.”

 

 

ASCOM

Outras Notícias

Últimas Notícias

© Copyright 2012 Portal Pedra Bonita - Email: contato@portalpedrabonita.com.br