18 de fevereiro de 2014 - 11:53

Terceira fase do recadastramento biométrico chega à reta final em todo o Brasil

Chega ao final a terceira fase do recadastramento biométrico e mais de 17,7 milhões de eleitores estão com dados atualizados. A campanha dos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) de todo o País tem convocado os eleitores para registrarem digitais e atualizarem informações cadastrais. O objetivo é a utilização do sistema que identifica o cidadão pelas digitais e, consequentemente, evita fraudes. Isso poderá ser feito em 791 Municípios nas Eleições 2014.

A terceira fase será encerrada no dia 31 de março, segundo informação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Somente nesta terceira etapa do recadastramento, 10 milhões de eleitores compareceram aos cartórios e cumpriram a obrigação estabelecida pela Justiça Eleitoral. Aqueles que foram convocados mas não procuraram se regularizar tiveram o título de eleitor cancelado e com isso estão sujeitos a várias restrições, como emitir passaporte e ocupar cargos públicos, por exemplo. Para esta fase, aproximadamente 14 milhões de eleitores foram convocados.

As urnas biométricas que serão usadas em outubro deste ano possuem tecnologia que garante mais segurança à identificação do eleitor no momento da votação. Com ela, é praticamente inviável fraudar a identificação do votante. As impressões digitais de cada eleitor ficam armazenadas em um banco de dados da Justiça Eleitoral.

Fases anteriores
A primeira fase de testes foi feita em 2007/2008 para as eleições municipais em Colorado do Oeste (RO), Fátima do Sul (MS) e São João Batista (SC). Em 2010, a identificação biométrica ocorreu em mais 57 Municípios e 1,1 milhão de eleitores de 60 Municípios de 23 Estados votaram por meio da tecnologia biométrica.

A segunda etapa foi iniciada em 2011 e concluída em abril de 2012.  Ao todo 7 milhões de eleitores de 235 Municípios de diversos Estados foram convocados – inclusive todas as cidades de Alagoas e de Sergipe – e nas capitais Curitiba (PR), Porto Velho (RO) e Goiânia (GO).

Para as eleições de 2014, a meta do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) é que cerca de 23 milhões de cidadãos se identifiquem pelas digitais no momento do voto. Em Alagoas, Amapá, Sergipe e Distrito Federal todos os eleitores serão identificados pela biometria este ano.

 

 

Agência CNM, com informações do TSE

Outras Notícias

Últimas Notícias

© Copyright 2012 Portal Pedra Bonita - Email: contato@portalpedrabonita.com.br