26 de janeiro de 2014 - 02:42

Egito realizará eleições presidenciais antes das parlamentares

O presidente interino do Egito, Adly Mansour, anunciou neste domingo que emendou o roteiro decretado pelas autoridades após a destituição militar de Mohammed Mursi, em julho do ano passado, para que as eleições presidenciais aconteçam antes das parlamentares.

Mansour realizou o anúncio em discurso à nação no qual disse que tomou a decisão após receber esse pedido em suas consultas com partidos políticos e outras partes envolvidas.

Durante sua fala, Mansour também assegurou que tomará “medidas excepcionais e extraordinárias se a situação requerer” para restaurar a segurança e a estabilidade no país.

Nesse sentido, instou os tribunais a acelerar os julgamentos contra os processados por sua relação com o terrorismo e pediu ao procurador-geral que revise os casos de todos os detidos, especialmente dos estudantes universitários presos nos recentes confrontos nos campus egípcios.

VIOLÊNCIA

Nas últimas 24 horas, pelo menos 49 pessoas morreram em decorrência da alta da violência no país, no terceiro aniversário da revolução do dia 25 de janeiro de 2011, que derrubou o então presidente Hosni Mubarak, celebrada ontem.

O número de feridos nos confrontos entre partidários e opositores do novo regime militar, assim como em choques com as forças de segurança, é de 247.

As vítimas foram registradas nas províncias de Cairo, Gizé, Alexandria e Minya, enquanto os feridos em pelo menos oito províncias do país.

 

 

Folha de S. Paulo

Outras Notícias

Últimas Notícias

© Copyright 2012 Portal Pedra Bonita - Email: contato@portalpedrabonita.com.br