24 de setembro de 2013 - 04:56

Tremor de magnitude 7,7 deixa 45 mortos e cria nova ilha no Paquistão

Pelo menos 45 pessoas morreram nesta terça-feira após um terremoto de magnitude 7,7 atingir o sudoeste do Paquistão. Com a força do abalo, uma ilha foi criada no mar da Arábia, em uma cidade próxima à fronteira do Irã.

Segundo o Serviço Geológico dos Estados Unidos, o epicentro do tremor foi registrado a 235 km de Dalbandin, na Província do Baluchistão, na fronteira com o Irã e o Afeganistão, a 15 km de profundidade. De acordo com autoridades locais, diversas casas de adobe foram destruídas no tremor e nas réplicas.

O porta-voz da Assembleia local, Abdul Qadoos, disse que pelo menos 30% das casas do distrito de Awaran, um dos mais pobres da Província, foram soterradas. Em Quetta, algumas áreas foram severamente afetadas, sendo que algumas ficaram isoladas.

As equipes de resgate afirmam que pelo menos 45 pessoas morreram após os tremores e outras 25 ficaram feridas. No entanto, o número de mortos pode aumentar, já que as equipes de resgate não puderam chegar a diversos locais.

O primeiro-ministro paquistanês, Nawaz Sharif, que está em Nova York para a Assembleia-Geral das Nações Unidas, apresentou suas condolências às famílias das vítimas e pediu que o exército não economize esforços em ajudar a população atingida.

O terremoto criou também uma ilha no mar da Arábia, ao lado do porto de Gwadar. Segundo as autoridades locais, a ilha tem cerca de nove metros de altura e cem metros de comprimento e surgiu após o deslocamento do fundo do mar.

Em abril, um terremoto de magnitude 7,8 no Irã provocou estragos no Baluchistão e em outras áreas paquistanesas, deixando 41 mortos em todo o país.

 

 

Folha de S. Paulo

Outras Notícias

Últimas Notícias

© Copyright 2012 Portal Pedra Bonita - Email: contato@portalpedrabonita.com.br