21 de agosto de 2013 - 02:29

Conta de luz vai ficar até 4% mais barata na Paraíba

C-Energia

Apesar da carestia que vem comprometendo o poder aquisitivo dos paraibanos este ano, terá um alívio que vai trazer economia ao bolso do consumidor e no custos das empresas. Os usuários da Energisa Paraíba, que compreende 1,1 milhão de clientes, vão pagar menos pelo consumo da energia elétrica com a revisão tarifária. A partir do dia 28, indústrias (-4,03%) e consumidores residenciais (3,80%) terão as maiores reduções, segundo informou ontem a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Já a conta de energia dos pequenos comerciantes foi um pouco menor (- 2,59%).

Vale lembrar que o recuo do índice, que vai atingir 216 municípios paraibanos, faz parte da terceira revisão tarifária periódica da Energisa Paraíba.

A previsão inicial em junho da Aneel para a redução média era de um índice menor (- 2,54%). Já o setor industrial, a estimativa era de queda de 5,08%, enquanto os consumidores residenciais a Aneel previa um desconto bem menor (-1,45%).

O secretário executivo do Procon Paraíba, Marcos Santos, afirmou que a revisão tarifária não deixa de ser uma vitória para a população. “Recebemos de bom grado a notícia que vai beneficiar, principalmente, os consumidores de baixa renda que têm mais dificuldade em pagar suas contas”, afirmou. Segundo ele, as reclamações contra a Energisa estão entre as principais registradas no órgão contra concessionárias .

Já o presidente da Federação das Câmaras dos Dirigentes Lojistas da Paraíba (FCDL-PB), José Artur de Melo, afirmou que, como o setor está em baixa, índice para menos é sempre bem vindo. “É melhor do que reajuste, mas não vai ter muito impacto na vida dos comerciantes”, frisou.

A revisão tarifária ocorre a cada quatro anos e já é prevista nos contratos de concessão. Ela tem por objetivo obter o equilíbrio das tarifas com base na remuneração dos investimentos das empresas voltados para a prestação dos serviços de distribuição e a cobertura de despesas efetivamente reconhecidas pela Aneel.

Os descontos divulgados pela Aneel, que começam a vigorar este mês, só vão ter impacto na conta de energia elétrica em setembro. Mas desde já a redução foi bem recebida por representantes do comércio, indústria e consumidores da Paraíba.

ENERGISA

A assessoria de imprensa da Energisa informou que a concessionária prefere se pronunciar sobre o assunto quando as planilhas sobre o recuo dos índices forem publicadas no Diário Oficial da União.

PRIMEIRA REDUÇÃO

Em 24 de janeiro deste ano, a Aneel, por meio da medida do governo federal, reduziu em 18% a conta das residências dos 216 municípios paraibanos cobertos pela Energisa Paraíba, enquanto na indústria a queda chegou a 32%.

Contudo, medida do governo do Estado, por meio da lei 9.933, elevou os percentuais de cobrança do ICMS sobre a energia de algumas faixas de consumidores no Estado, que consomem de 51 quilowatts até 300 quilowatts hora por mês.

 

 

JPOnline

Outras Notícias

Últimas Notícias

© Copyright 2012 Portal Pedra Bonita - Email: contato@portalpedrabonita.com.br